Histórias de acordar, Proseando

A Mulher come do fruto da árvore da sabedoria

E a serpente, a mais astuta das criações disse à mulher: Mas não é assim que Deus disse: Comereis de toda árvore do jardim?

E a mulher disse à serpente: Podemos comer dos frutos de todas as árvores do jardim, mas do fruto da árvore que se encontra no meio do jardim, disse Deus que não comêssemos, nem mesmo tocássemos, para que não morramos.

Então disse a serpente à mulher: Pois eu lhe digo que não morrereis. E digo mais, Deus sabe que no dia em que comerdes do fruto se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal e somente por isso ele disse para não comerdes.

A mulher ponderou o que dissera a serpente e chegou à conclusão de que a árvore seria boa para aumentar seu entendimento, além disso, os frutos eram suculentos e ela estava com fome. A mulher comeu do fruto saciando-se, mas não o deu a seu marido, muito menos contou a ele o que tinha dito a serpente.

Com os olhos bem abertos ela esperou que Deus, como sempre fazia, viesse passear no jardim pela viração do dia. Mas Deus não veio e Adão desesperado procurava pelo Senhor Deus entre as árvores do jardim chamando:

„Deus, Deus, onde estais?“

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s